Última Hora

PLANO DE PAISAGEM LEVA COURA AO CONSELHO DA EUROPA

7 de Março de 2018 | Manuel Tinoco
PLANO DE PAISAGEM LEVA COURA AO CONSELHO DA EUROPA
Geral

Decorreu entre 23 e 26 de fevereiro o “European Landscape Forum 2018 – Civilscape”, na cidade Alemã de Aschaffenburg, nas imediações do maior Pólo económico Germânico – Frankfurt, onde o Plano de Paisagem das Terras de Coura – o primeiro e único no país até ao momento – representou Portugal.

 

Recorde-se que o Plano de Paisagem das Terras de Coura constituiu um projeto-piloto a nível nacional, na aplicação da Convenção Europeia da Paisagem ao nível municipal e resultou da aprovação da candidatura apresentada pela Câmara Municipal de Paredes de Coura ao Norte 2020 – Património Natural.

 

A elaboração do plano visou a definição de unidades de paisagem que caracterizam o território de Paredes de Coura, assim como a definição dos seus objetivos de qualidade, terminando com a elaboração de um Programa de ações, projetos e medidas de proteção, gestão e ordenamento para as Unidades de Paisagem. O processo contou, em todas as fases, com o envolvimento da população, contribuindo com a sua perceção sobre a paisagem local e, através dela, com o reconhecimento do seu valor.

 

Na apresentação feita perante um auditório internacional o destaque não foi o inédito de se tratar do primeiro plano em Portugal, uma vez que essa prática já existe um pouco por toda a Europa. A participação pública e o grande envolvimento da população Courense, nomeadamente da comunidade escolar, identificando problemas e perspetivando soluções, foi evidenciada com um exemplo de democracia e participação cívica para os restantes países europeus. No entanto, de acordo com quem teve oportunidade de ver o registo vídeo da apresentação e debate que se seguiu, as questões com maior destaque foram o Observatório da Paisagem, de âmbito internacional e com sede em Paredes de Coura, e o Projeto Portugal Mata Viva, apresentado na mesma semana, ambos projetos decorrentes do Programa de Ação do Plano de Paisagem.

 

A representação da equipa de trabalho foi feita pela Câmara Municipal de Paredes de Coura, na pessoa do presidente, Vitor Paulo Pereira, e do vice-presidente, Tiago Cunha, a cargo de quem ficou a apresentação para o auditório internacional e a defesa que se seguiu em debate, pela Valminho Florestal, na pessoa do presidente Brandão Coelho, e pelo Centro de Estudos Arnaldo Araújo/ESAP e Leiras do Carvalhal, Ld.ª, por Isabel Matias.

 

Questionado sobre a importância do assunto, sublinhou o presidente da Câmara de Paredes e Coura, Vitor Paulo Pereira, que “A nossa paisagem é de uma riqueza inestimável e património único e nós continuaremos a leva-la, como exemplo que é, à Alemanha e a qualquer outro país do Mundo onde faça falta promovê-la”, acrescentando que “quem não compreende o valor da paisagem e do ambiente, não compreende o futuro”.

Comments are closed.